Resenha: All Your Perfects

Título Original: All Your Perfects | Autora: Colleen Hoover
Editora: Atria Books | Lançamento: 2018 | Páginas: 320
Sinopse: O amor perfeito de Quinn e Graham é ameaçado pelo seu casamento imperfeito. As lembranças, os erros e os segredos que eles construíram ao longo dos anos agora os destroem. A única coisa que poderia salvá-los também pode ser a mesma coisa que empurra o casamento para além do ponto de reparo. All Your Perfects é um romance profundo sobre um casal danificado cujo futuro potencial depende de promessas feitas no passado. Este é um romance comovente que pergunta: Pode um amor ressonante com um começo perfeito sobreviver a uma vida entre duas pessoas imperfeitas?

Vamos a mais uma resenha da minha autora que é só amor, sim! Estamos falando de Colleen Hoover. Você pode até estar se perguntando... "novamente?". Sim, meus caros, a mulher jorra histórias emocionantes, impossíveis de se manter longe.

Hoje vamos falar de All You Perfects (ainda não publicado no Brasil), e o tema dessa história e tão profundo quanto outros de seus livros, mas o problema em questão é tão singular. No início achamos que somente um gênero irá entender os sofrimentos que ela carrega, mas ao decorrer da leitura percebemos que não. Essa é uma história contada para 1+1.

"(...) ela não teria jogado fora seu relacionamento com um cara que me impressionou mais em uma hora do que Ethan fez em quatro anos." 

Quinn e Graham se conheceram em um dos piores dias de suas vidas. Diante de um corredor, se remoendo para saber se enfrentariam a traição que os envolviam naquele momento, eles simplesmente resolveram esperar sentados ao momento que Ethan, a noivo de Quinn e Sasha, a namorada de Graham, descobririam que haviam sido pegos no flagra. A sensação era destruidora, mas ter uma âncora com o mesmo problema, deixava o drama maior para depois. 

Meses após esse episódio os dois se reencontram, com a certeza de que não seriam a vingança um do outro, os dois se aproximam e se envolvem de maneira cativante. Eles nutrem um amor confiante, compassivo, amigo e vamos nos encantando cada vez com o casal. Mas como você mesmo sabe, estamos falando da Hoover, né? Claro que a carga dramática estará presente, e dessa vez, bem intensa!

A história é narrada entre o presente e o futuro pela visão de Quinn, o que nos entrega uma carga maior de sua dor por não conseguir engravidar. Mas apesar de sua visão da história, conseguimos perceber Graham e sua dor em todo esse processo em ajudar sua esposa nesse processo difícil. Por algumas vezes, o leitor pode até achar Quinn mais dramática que o necessário, mas não tente analisar o sofrimento de não conseguir alcançar um sonho de vida, sendo ele qual for.

"Mas agora percebo que a tragédia pode derrubar até as coisas mais fortes." 

No passado, nos encantamos com quanto eles são perfeitos juntos e quando chegamos no presente, simplesmente não conseguimos digerir o quão destruídos estão. All Your Perfects, não entrega somente mais um drama entre casal, apesar da autora tentar mostrar que nem sempre o amor supera tudo em alguns momentos, conseguimos enxergar que não é o caso de o amor ser forte o suficiente, e sim, em ter a fé de que ele conseguirá ser o necessário.

Como falei no início, a história não é somente para mulheres, apesar de o drama maior ser por parte da Quinn, em questão a infertilidade. Ouso dizer que a figura de Graham faz todo o paralelo e o coloca como o amor necessário em todo esse sofrimento. Os ensinamentos do que é amar e se importar são entregues a todos os momentos, principalmente por ele.

"É difícil admitir que um casamento possa ter acabado quando o amor ainda está lá. As pessoas são levadas a acreditar que o casamento só termina quando o amor se perde. Quando a raiva substitui a felicidade. Quando o desprezo substitui a bem-aventurança. Mas Graham e eu não estamos bravos um com o outro. Nós não somos apenas as mesmas pessoas que costumávamos ser."

É difícil não se emocionar com a verdade que a trama constrói. Os sentimentos e as lutas são tão reais! Os últimos capítulos são realmente para testar os corações, observar a verdade de cada um nos enche os olhos de lágrimas. Colleen Hoover mais uma vez conseguiu conquistar, e dessa vez o drama não está em se livrar de um amor doloroso, pelo contrário, o drama está justamente na esperança do amor. Indico com toda a certeza.

🔹 Desafio: DLL19
📚 Tema: um livro que termine em um dia.

Bjim!


13 comentários

  1. Tudo bem? Ah! Eu costumo curtir bastante os livros da autora. Não li esse, mas sua resenha já me deixou ansiosa. Vi uma tradução por aí esses dias, pensando em me aventurar, apesar de não curtir muito essas traduções livres. Uma das coisas que eu curto muito na autora é justamente esse poder de nos fazer sentir com os personagens.. Seus dramas, suas dores, amores e afins.

    Ótima resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Eu só li um livro da Colleen Hoover até hoje, mas já deu para perceber o quanto ela é boa no que faz, haha. Vi uma resenha desse livro esses dias e estou louca para que chegue logo aqui no Brasil, pois quero muito ler. Amei tua resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem? Não tive muito interesse nesse livro, apesar de querer ler algo dessa autora. Acho que a literatura dela deve ser bem dramática, algo que gosto, mas espero ainda ter a oportunidade de ler algo dela. Já me disseram sobre O lado feio do amor, mas tem tantos livros novos dela que nem sei mais qual escolher haha.

    Love, Nina.
    www.ninaeuma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Eu li esse livro ano passado, logo que saiu e se tornou um dos meus queridinhos da Colleen. Eu amei conhecer o passado do casal, me encantei com a história deles, mas a cada capítulo que mostrava o presente meu coração doía por eles. Mas eu achei uma história tão real e comovente, que foi impossível não amar a leitura.
    Amei a sua resenha e fico feliz que também tenha gostado tanto do livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Eu gosto muito dos livros dessa autora. Sempre me emociono com suas histórias.
    E eu adorei a trama dessa obra, fiquei louca para ler. Que pena saber que ainda não foi publicado. :(
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? Ah não vejo a hora desse livro chegar no Brasil. Ainda não tive oportunidade de lê-lo, mas como amo a CoHo, as chances de gostar dele é bem grande. Adorei a sua resenha e ela só me deixou mais curiosa ainda em conhecer a obra.
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    CoHo sempre surpreende com os temas e dramas que aborda em seus livros. Já tinha ouvido falar sobre essa obra mas ainda não tive oportunidade de ler e já estou curiosa para conhecer o casal e ver como lidaram com as crises em seu casamento.
    Provavelmente um livro pra se emocionar e refletir.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. É muito interessante quando a trama e seus dramas são próximos à realidade que vivemos ou que vimos alguém experimentar e parece que este livro traz isso e uma carga emocional muito grande e até tensa. Gostei da premissa do livro e vai para minha lista de desejos.

    Bjo
    Tânia Bueno

    ResponderExcluir
  9. Eu estou cada vez mais curiosa em relação a esta autora! Só tenho um livro dela aqui em casa (É Assim que Acaba) e devo começar minha experiência com sua obra através deste livro. Estou me preparando emocionalmente.rs

    Consigo entender perfeitamente o drama da protagonista. O quanto não poder engravidar se tornou um peso insuportável, uma dor que parece que não vai passar nunca. Imagino que se eu lesse este livro iria chorar muito com a mocinha.

    Já estou ansiosa para que esta história seja publicada no Brasil, pois quero muito ler. Quero acompanhar este casal e acreditar que eles vão superar todas as dificuldades porque quando há amor acredito que tudo tem solução, que nada está terminado.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Ola!

    Assim como você, eu sou completamente apaixonada pelos livros da Colleen! Acho genial a forma na qual a autora possui o dom de falar sobre diversos temas de uma maneira tão verídica que nos corrói por dentro.

    Não conhecia esse livro ainda, mas adivinha só, ele já está na minha lista a partir de agora!

    beijos

    ResponderExcluir
  11. Li este livro recentemente e gostei demais. estava frustrada com a CoHo porque detestei Tarde Demais, mas esse livro aqui resgatou o meu amor pela sua escrita e a foma como ela nos faz sentir o que os personagens queriam que eu sentisse.
    Amei!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá

    Todo mundo ama a Coleen menos eu haha
    Li o primeiro livro de uma série dela e outro que era solo e não fui muito convencida a continuar. A escrita dela não me cativou em nada mesmo trabalhando com temáticas poderosas e bem femininas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bem?
    Eu adorei essa resenha! Morro de vontade de ler Coleen, tenho o 8 de Novembro aqui na estante só esperando o momento! Hahaha
    Sempre que ouço falar dela são só elogios! ❤

    ResponderExcluir