Resenha: Salada Russa

Título: Salada Russa | Autores: Tolstói, Gorki, Púchkin e Tchêkhov | Editora: Paulus 
Páginas: 159 | Ano Lançamento: 2004 

Sinopse: A literatura russa ofereceu ao mundo momentos da maior importância artística, constituindo-se até hoje em fonte inesgotável de criação. Autores como Tolstói, Tchêkhov, Dostoiévsky, Turguêniev, Púchkin, Gorki, ampliaram de forma irreversível nossa percepção do mundo e continuam a ser insubstituíveis. Os contos reunidos nesta Salada russa oferecem ao leitor jovem a rara oportunidade de, através de contos breves, introduzir-se aos poucos no universo extraordinário criado por escritores que levaram a arte de escrever a seu limite máximo. 

Impressões: 

Salada Russa é uma obra que reúne os maiores escritores da Rússia, obviamente. São inúmeros contos dos quais somos apresentados pela cultura e estilo diversificado de cada autor. Sendo uma obra de contos, é difícil citar apenas um em especial. 

Os quatro autores representam uma qualidade indiscutível do universo literário russo. Alguns contos são curtos, outros mais extensos, já outros são mais comoventes e dramáticos. É uma verdadeira salada! 



Uma viagem através das páginas, o leitor vai conhecer um pouco mais da Rússia e toda sua cultura da época, deixando toda obra ainda mais rica e vívida.


Essa edição possui uma pequena biografia de cada autor, antes de começar o conto, vale ressaltar que a obra possui uma diagramação simples, porém muito boa. Espaçamentos adequados e uma fonte mediana. 

Vale a pena? Sim, é um livro curtinho que pode ser lido em algumas horas, principalmente em um final de semana, além de conhecer os maiores escritores russos.

🔹 Desafio: DLL19
📚 Tema: Um livro que deveria ter lido em 2018


Um comentário

  1. Oi, parece divertido, gosto de livros que falam da cultura de outros lugares, e gosto mais ainda de contos.

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir