Resenha: O outro significado


Sinopse: O autor, nesta obra, te aproxima, de maneira peculiar, a acompanhar sua personagem principal, Wes, aspirante a escritor. A trama traz ao protagonista o que se diz novo e também o inesperado, mostra, através das passagens de tempo como Wes une a vivência à escrita, o pensamento ao sentimento, ou o contrário. O fato é que as suas ideais se tornam concretas à medida em que a obra passa a ser desenvolvida por si. Mas o que o jovem jamais suporia acontece: o enredo, embora ficcional, toma forma real, adentra ao mundo vivido, esse que todos nós conhecemos. O outro significado é ambientado em Pinneápolis, cidade que recebe Wes para a nova escola que em sua rotina e alunos o apresentará obstáculos, novas descobertas, festas, namoro, bullying, drogas e preconceito, além, naturalmente, dos estranhamentos em relação à ficção que se torna realidade. André Puga, por fim, desenha o dia a dia de um jovem sonhador, pois, afinal de contas o que seria da vida de qualquer um de nós se nela não habitasse o onírico? Leia a obra e saberá mais do que aqui se apresenta!

Wes chega a Pinneápolis com a família, para uma nova escola, seguindo os planos que o pai tem para ele, seu futuro e sua carreira. Mas Wes saber que os pensamentos do seu pai, não são os seus. Sua alma sensível e sua vontade por justiça testifica seu foco em se tornar um escritor e escrever seu primeiro livro.

Em uma caminhada de autodescoberta, acompanhamos Wes em sua trajetória passando por indagações, confusões e momentos de aprendizados. Questionando atitudes de um sistema injusto, ao mesmo que passa pelo inferno da dependência que lhe trancou.

Você deve extrair o que o ódio tem de ensinamento, mas não menosprezar o alto fator destrutivo que este sentimento pode provocar. p.29

Em O outro significado temas como preconceito, amizade e dependência química faz parte da narrativa dessa obra. Narrado em primeira pessoa, observamos Wes através de textos cheios de rimas - o que por si só já engrandece a obra - além da narrativa convencional. Uma combinação que deu certo aqui.

Vamos falar de Wes! Esse foi um personagem cheio de camadas que foi sofrendo suas metamorfoses ao longo da narrativa. Confesso que não consegui ter uma intimidade mais ampla com o personagem, mas admiro seu crescimento, a partir das diversas experiências que passou.

Tenho uma sensibilidade muito aguçada e sou como uma esponja; absorvo tudo ao meu redor. Eu sei que tenho que respeitar as diferenças, mas aquele ambiente não me faz bem. p.66

Muito dos seus pensamentos iniciais me incomodaram, justamente por enxergar algo mais amplo. Mas, com certeza, isso se faz presente pela falta de maturidade em se expor sem agredir, o que ele aprendeu ao longo do processo, visto que a minha verdade serve para questionar e não para ser totalitária. E essa é realmente uma linha tênue.

Outros personagens me cativaram bastante como Rebecca e o próprio Aberlado. Conseguia sentir suas palavras.

Em alguns pontos a história correu durante a narrativa, senti falta de aprofundamento em certos assuntos. Sabe quando gera aquela curiosidade e quando percebemos já seguiu em frente? Acabei sentindo isso.

Mas não podemos negar que a leitura e a trajetória de Wes levantam questionamentos importantes, que nos faz refletir em diversos pontos da história, tanto em apoio ao pensamento do personagem, quando em discordância. E foi isso que realmente me prendeu em boa parte da leitura, pois conseguimos enxergar o papel das vivências, opiniões e atitudes e o que elas causam em nós como seres humanos.

Tenho minhas imperfeições, tenho lampejos de egoísmo, sou demasiadamente sarcástico, poderia citar inúmeras coisas. Mas tenho valores morais. p.49

O livro faz um trabalho excelente em ser questionador e trazer certa realidade através da vida de Wes, o que acabou fazendo fluir de vez durante a leitura. Gostei bastante da experiência reflexiva que a obra trouxe.

Ate a próxima!!!

📋 Ficha Técnica
Título Original: O outro significado
Autor: André Puga
Editora: Giostre
Ano: 2020 | 136 pág.
📚 Cedido pelo autor

 

You Might Also Like

1 comentários

  1. Olá! Gostei muito do blog e já o segui! Quero convidá-lo a visitar e a seguir o meu blog de volta <3

    www.pimentamaisdoce.blogspot.com

    ResponderExcluir