Resenha: Travessuras da minha menina má – Livro 1

Título Original: Travessuras da minha menina má – Livro 1 | Autor: Otávio Bravo 
Editora: Chiado | Páginas: 358 | Ano Lançamento: 2018

Na primeira parte do seu relato, antes da entrada da menina má em sua vida, Victor descreve as aventuras da sua juventude, em meio ao frenético Rio de Janeiro do final dos anos 80: as descobertas da adolescência, a idolatria pelo irmão mais novo, Caíque, o primeiro amor, Marcella, as escolhas profissionais, a partida para Cambridge e as perdas terríveis que é obrigado a enfrentar. 

Impressões: 

Saudações literárias, queridos Livreadores! Vamos iniciar mais uma semana com resenha! Bora falar do livro incrível do autor Otávio Bravo, parceiro do Livreando. 

Victor é o personagem central da trilogia escrita por Otávio Bravo, no volume 1, vamos voltar para o Rio de Janeiro no final da década de 80, acompanhar de perto toda juventude do nosso personagem principal. 

O título e toda história, são inspirados no livro “Travessuras da menina má”, do peruano Mario Vargas Llosa, ganhador do Nobel de Literatura. Otávio Bravo conseguiu deixar sua marca na literatura nacional, um livro com uma história bem estruturada, fluído logo nas primeiras páginas, personagens dinâmicos e marcantes, deixando ainda mais próximo dos leitores. 

Antes da chegada da “menina má”, Victor possui uma vida tranquila, com sonhos e objetivos de vida, outro personagem principal é o irmão mais novo, do qual Victor nutre uma espécie de adoração e admiração. 

São inúmeros os desafios, amores, traquinagens e bagunças entre amigos, moldando o caráter do personagem central. O enredo é outro fator brilhante, mesclando inúmeras situações e acontecimentos, lugares bem detalhados no decorrer da leitura, elementos fluidos que deixam o texto ainda mais rico. 

Vale a pena? Com toda certeza! Otávio Bravo apresenta uma história com diversas reviravoltas e emoções impactantes que vai deixar o leitor apaixonado e angustiado ao virar uma página.


Nenhum comentário :

Postar um comentário