[Crônicas de domingo] Fazer o que é certo ou fazer o que é bom?


A vida é uma constante escolha. Algumas inconscientes, como: Levantar ou não da cama, comer ou não, enfim, uma infinidade de possibilidades, que temos em nossas mãos o poder de escolha. Na maioria das vezes nos confrontamos com a alternativa, entre o certo e o errado.

Sendo assim fica (Com certeza) mais fácil de selecionarmos qual a melhor decisão tomar. O certo, podemos classificar como: o que é verdadeiro, direito, justo, correto, exato, preciso. E até de certa forma conveniente. Sim! Isso mesmo! É mais conveniente seguir as regras, a legislação, do que agir ao seu bel prazer... E fazer o que é bom aos seus olhos.

Por tanto, se torna confortável seguimos o curso das outras pessoas. Já o que é bom, podemos dizer que é o que prazeroso, agradável, afável, deleitável, benéfico... Humano! E então pelo o que optar? Algumas pessoas podem dizer sem pestanejar: - Claro! pelo que é certo! Outros, optam pelo seu coração, e o que vai te dar mais prazer.

Nessa hora não é certo ou errado. Até porque vivemos errando e acertando nas nossas escolhas, isso além de nos trazer aprendizado, também nos faz crescer como ser humano. Bem, e quando o bom e o certo deixa de ser uma opção e passa ser uma condição? Como assim? Explico! Por exemplo, quando você recebi um ultimato: Seguir pelo que é exato, ou se aventurar no que te fará mais feliz, não importa as opniões ou as regras.

É difícil né?! E como sair dessa bifurcação que por muitas vezes se confundem uma com a outra? Razão ou coração? Então, te darei um conselho. Respire! Acalme a sua alma! No "calor" da emoção, no susto, podemos nos arrependermos de algo que não podemos voltar atrás.

Dizem que o único que morre de véspera é o peru. Então aproveite o tempo para refletir e acatar o que te dará o menor arrependimento. Não há o certo ou errado, quaisquer opção poderá mudar a sua vida. A seleção só você pode fazer, então escolha, selecione, compare e siga de forma que o seu rumo seja o caminho que te dará paz.


Nenhum comentário :

Postar um comentário