Resenha: Proibida Para Mim (New York #1)

Título Original: Proibida Para Mim | Autora: Elizabeth Bezerra
Editora: Bezz | Ano: 2014 | Páginas: 288
Sinopse: Quando Neil Durant socorre Jennifer Connor durante um assalto em uma noite fria ele não sabe que sua vida mudará para sempre. Descobrir que a jovem é cega é uma surpresa para ele. Neil está preso em um casamento de conveniência e sabe que Jennifer é totalmente proibida para ele. O correto é afastá-la de seu mundo sujo, mas o destino insiste em aproximá-los cada vez mais. Passado e futuro se entrelaçam de forma surpreende e os dois se veem mergulhados em uma paixão incandescente.

📚Livro cedido pela Editora Bezz

Proibida Para Mim traz a história de Neil e Jennifer. Dois personagens com o passado incomum e muitos segredos que trarão à tona sentimentos que deveriam ficar presos em uma caixa do passado. Neil é um respeitado CEO do ramo da tecnologia, e como qualquer comandante de uma grande empresa, precisa ter o domínio de tudo o que acontece ao seu redor, o que não seria diferente em outras áreas de sua vida. Com um casamento de fachada, resolveu se casar com Sophia por uma força maior, Anne, filha do seu irmão gêmeo, Nathan, esse, sempre foi perverso e cruel com as pessoas, eles eram bem parecidos fisicamente, mas no caráter, eram completamente opostos. No início Neil pensou estar apaixonado por Sophia, mas a sua negligencia com a própria vida e família o mostraram o quanto esse envolvimento seria um erro.

"Eu não sou o que chamam de um bom samaritano, em busca de perdão ou com o propósito de salvar o mundo, estou bem longe disso. Certo, eu faço doações à caridade e participo de eventos filantrópicos, mas, nada, além disso. No entanto, Jennifer consegue acionar cada instinto protetor que há em mim." p.33

Certo dia, Neil encontra uma jovem em apuros e corre para tentar salvá-la e de forma quase instantânea, se ver atraído por Jennifer, uma jovem de cabelos ruivos e sardas encantadoras que para a sua surpresa, também possuía uma deficiência visual. Vendo a sua fragilidade e o estado emocional abalado, Neil não perdeu tempo em fazer o possível para que ela permanecesse em segurança e protegida. Claro que isso foi só um pretexto para ele tentar descobri tudo o que fosse possível e passar mais tempo ao lado dela.

Os dois de início se aproximam rapidamente, mais pela insistência e quase perseguição de Neil. Suas atitudes são até um tanto assustadoras, mas depois, a autora pega o embalo e torna a situação mais leve e aceitável. Eles vão construído um relacionamento a cada encontro, Jennifer é mais pé no chão e evita se entregar logo a Neil, mas com tanto charme do nosso protagonista, ela acaba sedendo no momento certo. E não há como negar o quanto os dois são perfeitos um para o outro.

"O medo que sinto, hoje, é muito mais esmagador. Tenho medo de um fantasma. Um fantasma reencarnado em mim que eu não posso exorcizar" p. 270

O romance flui de maneira suave e envolvente, e a partir daí, vão surgindo os dramas e as tramas que preenchem o enredo e dão enriquecimento para a história. Cada um têm seus fantasmas e dores passadas, vivem em função de traumas que os afetaram completamente, e quando tudo parecia se encaminhar para a calmaria, uma grande revelação é feita e mexe completamente com a vida dos dois.


Proibida Para Mim entra na categoria dos romances hot, mas o seu diferencial é não tornar a história massante nesse ponto, há algumas cenas mais quentes e detalhadas, mas esse não é o principal conteúdo do livro, diria que aparece cerca de 20% na narrativa, o que me agradou muito e demonstra o quanto a autora Elizabeth Bezerra soube criar um romance com uma história concreta. Há diversos momentos em que o leitor vive o romance e todos os dramas que os acompanham, o que não são poucos. Alguns são bem fáceis de deduzir, principalmente o drama principal, mas nada impede do leitor querer conferir as reações dos personagens no momento crucial, que eu já posso adiantar, é angustiante!

Há também algumas surpresas e desfechos que dão mais dinâmica a história e personagens que acabam cativando o leitor tanto pela sua doçura, como no caso de Anne, como por um humor sarcástico e inquisidor como no caso de Paige, amiga de Jennifer, personagem essa que me arrancou algumas risadas E o final, é completamente tenso que nem JULIANA É CAPAZ DE SEGURAR ESSE FORNINHO! 🙀 É impossível terminar essa história e não querer ler o próximo livro da série. E por ser uma série, algumas lacunas ficaram sem explicação como no caso do mascarado que tenta prejudicar Neil. Provavelmente a autora explicará nos próximos livros.

O livro é narrado em primeira pessoa pelo Neil, por isso conhecemos profundamente as suas angústias e medos. Sobre a diagramação, gostei baste, a numeração de página é feita em fonte maior e como uma marca d'água, cada um dos vinte e quatro capítulos é destacado em fonte cursiva. Encontrei alguns erros de digitação, mas nada que prejudique a história. Sobre a capa, a do banner combina mais com o personagem do que a que está impressa no livro que tenho aqui, ainda bem que mudaram. Essa leitura foi uma ótima experiência e indico para quem gosto do gênero ou aprecia uma história com mais conteúdo e não somente cenas hot.


16 comentários

  1. Olá
    Eu não conhecia esse título ainda, mas adorei poder conferir suas impressões a respeito. Os elementos retratados por você realmente chamaram a minha atenção e gostaria de poder conferir também. Apesar de não curtir muito o gênero, fiquei intrigada por conta dos diferenciais. Fico feliz que tenha sido uma boa experiência para você!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Tâmara! Achei super interessante a personagem ter deficiência visual, é um fator bem peculiar para uma protagonista. Eu adorei o enredo e, principalmente, saber que o livro tem conteúdo bem feito com uma quantidade equilibrada de cenas eróticas. Acho muito bacana quando os autores sabem atrair a atenção de leitor com uma escrita de qualidade, mesmo em romances proibidos clichês. Adorei a resenha! Beijos.

    thehouseofstorie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. OI Tamara, este é aquele tipo de livro que eu evito ler porque realmente já estou saturada de romances hots, mesmo você salientando que a trama é diferenciada. Mas vou indicar sua resenha para as amigas que curtem livros assim, acredito que elas apreciarão melhor que eu.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Não sou de ler muitos livros de gênero, mas fiquei curiosa por essa trama, já que você disse que as cenas hot não aparecem tanto na história.
    E adorei sua resenha, uma menina me indicou essa série outro dia, acho que vou acrescentar na wishlist.
    Fiquei curiosa pra ver a diagramação e esse marca d'água!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  5. Olá Tâmara,
    Tenho esse livro em ebook no Kindle. Acho que vi ele uma vez e comprei, mas nunca pensei em ler até ler sua resenha.
    Curti muito suas impressões e achei a premissa do livro bem interessante. Sabia que ele era hot, mas fiquei contente por saber que, digamos, isso aparece apenas em 20% do livro e não deixou a história maçante.
    O relacionamento dos personagens, apesar de aparentar ser rápido, parece ser bem fundamentado.
    Vou encaixar entre as próximas leituras com certeza.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Oi, eu já tinha visto esse livro antes, mas acho que quando eu o vi não era essa imagem, era a do banner e confesso que a prefiro e que realmente combina mais - como você mesma disse. Gostei do fato de ter um romance e que os dois parecem feitos um para o outro e também gostei de saber que tem as cenas hot no nível certo, com toda a certeza é uma obra que eu leria!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas ainda bem que gostaste! Contudo, não lerei porque não gosto nada do género, os livros mais hot não me agradam! :) ahah

    Mas acho ótimo que os personagens tenham cativado e que a narração seja em primeira pessoa, realmente aproxima-nos dos personagens!! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia esse livro, mas me chamou a atenção pelo fato da personagem ter uma deficiência visual. Não é algo que vemos com muita frequência.
    Mesmo assim, não me senti interessada pela história.
    Por mais que a autora possa ter evoluído o personagem, a perseguição inicial dele me fez lembrar muito Christian Grey, o que me fez repensar se eu queria ou não ler esse livro.
    Posso até ler, mas acho que não agora.
    Mas um ponto positivo que gostei foi o livro ter apenas 20% de cenas eróticas. Existem muitos livros desse gênero que não conseguem nos trazer uma história concreta que passe verdade.
    Bjs, Mila

    http://a-viagem-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Romance fluido, com segredos e dramas, e o simples fato dele não ser um hot massante e constante, já faz todo diferencial.
    Esse não é um gênero que leio com frequência, não é meu favorito, mas não dispenso a dica.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu já conhecia o livro, mas ainda não o li, mas ele já esta anotado na minha lista de futuras compras haha Acho muito bom quando os autores trabalham um conteúdo mais concreto, não focando apenas nas cenas hot, acho que vou adorar esse livro haha

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Achei o enredo meio problemático, mas com certeza traz muitos aspectos diferentes para a trama como a deficiência visual da personagem. Não leria porque não me cativou, mas vou indicar para amigas que gostam.
    Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  12. Oi, Tâmara

    Eu curto romances mais hot, mas estou bem cansada de CEOs, e de CEOs que perseguem suas "presas", então, nem se fala. Por mais que ele melhore ao longo da narrativa, ando bem cansada desses artifícios. O cara poderia ser, sei lá, um bombeiro, um advogado, um padeiro, qualquer coisa, mas CEO me cansou! hahaha
    Quem sabe daqui um tempo, quando meu cansaço passar...

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Realmente gostei da premissa desse romance, trouxe algo diferente, uma personagem principal com deficiência, isso é algo legal de ser contado, nunca vemos histórias deles nos livros e a autora já ganhou pontos com isso.
    Confesso que não leria no momento, estou numa vibe não muito boa para romance, mas é uma dica que eu com certeza irei anotar para o futuro

    ResponderExcluir
  14. Olá,

    Conheci essa série através de um evento da própria editora, fiquei empolgada com alguns dos comentários, porém é algo que eu não leria por agora. Esse mês li diversos livros dos gêneros new adult/érotico e para não enjoar, estou procurando ler outros gêneros. Tenho certa curiosidade sobre essa série e espero poder conferi-la em breve.
    Eu achei essas capas bem legais e até ganhei o marcador desse livro *----*

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Achei esse livro diferente por ter como protagonista uma deficiente visual. Isso foge dos clichês romanticos e ganha diversos pontos!
    Apesar disso ter me interessado bastante vou deixar passar a dica por ser um livro hot e eu não ter curtido os hots que li. Quem sabe no futuro?
    Abs e parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Adorei sua resenha e me encantei com o enredo que é bem diferente do que tenho lido nos últimos meses.
    A capa me deixou bem curiosa e foi um ponto somado para o meu interesse nesse livro.
    Bjs

    ResponderExcluir