Li até a página 100 e... #5



Começar um livro é sempre uma experiência nova, um mar de incertezas. Será que vou gostar...? Será que os personagens vão me cativar...? E aí, com o passar das palavras, das frases, dos parágrafos, das páginas, vamos descobrindo mundos novos, vivendo situações diversas, umas mais próximas da realidade, outras mais distantes. 

E, dado um momento, já temos um parecer, já sabemos se vamos gostar ou não ou, pelo menos, já sabemos opinar a respeito do livro. E por que esse momento não ser a página 100? Estou aqui hoje para compartilhar com vocês um pouquinho sobre o livro que estou lendo atualmente: Terras Metálicas, do Renato C. Nonato.




Primeira frase da página 100:

- Deixa pra lá.

Do que se trata o livro?

A história se passa na Esfera, uma atmosfera artificial criada para a humanidade viver após a Última Guerra (evento que deixou uma massa nuclear em toda a atmosfera terrestre). Nela, embarcamos ao lado de alguns jovens recém-formados que estão prestes a receber um chip que dará a cada um uma habilidade (ou nenhuma) e suas aventuras após esse momento marcante em suas vidas.

O que está achando até agora?

Estou gostando bastante e ansiosa para saber os próximos acontecimentos na Esfera, ainda mais depois do que aconteceu na cerimônia de implante do chip :D

O que está achando da personagem principal?

Acredito que a principal personagem propriamente dizendo é a Raquel. E eu estou gostando muito dela e do seu "mascote" Tashi. Se Raquel existisse de verdade, seria uma boa amiga...

Melhor quote até agora:

De que adianta subir a escada em direção ao futuro, se não soubermos de que andar estamos saindo?

Vai continuar lendo?
Sim. Com certeza.

Última frase da página:

Camila a soltou, mas o fez ainda mantendo os braços apoiados em seus ombros, seus olhos estavam ligeiramente marejados, deixando Raquel ainda mais preocupada.


Um comentário

  1. Oi May!

    Eu quero muito ler este livro! O Renato Nonato é uma pessoa incrível e mal posso esperar pra ler o romance de estréia dele. Principalmente por abordar uma temática tão bacana..

    Beijo!

    http://boy-lit.com

    ResponderExcluir