Literaturiando: Afinal... é poema ou poesia?

Hey, pessoinhas que eu não conheço e gosto tanto... Tudo certinho com vocês?

Janeiro passou voando e chegou o primeiro sábado de fevereiro. Primeiro sábado é aquele dia que reservamos para uma das colunas que eu mais gosto de fazer: Literaturiando.


A Carol sugeriu o tema deste mês e eu acatei a ideia super feliz. Acho que todo mundo, em algum momento já se perguntou se há diferença (e qual diferença) entre poema e poesia. E é disso que vamos falar hoje ^^


Para começar, que tal utilizarmos aquele velho recurso da definição literal do dicionário? Vamos lá...

poesia
po.e.si.a
sf (gr poíesis+ia) 1. Arte de escrever em verso. 2. Conjunto das obras em verso escritas numa língua. 3. Cada um dos gêneros poéticos. 4. Composição poética pouco extensa; pequeno poema. 5. Qualidades que caracterizam os bons versos. 6. Caráter do que desperta o sentimento do belo; inspiração. 7. Elevação nas ideias, no estilo. 8. Atrativo, graça, encanto

poema
po.e.ma
sm (gr poíema) 1. Obra em verso. 2. Composição poética do gênero épico, mais ou menos extensa e com enredo. 3. Epopeia. 4. Obra em prosa em que há ficção e estilo poético. 5. Assunto ou coisa digna de ser cantada em verso.

Observando as definições, dá para perceber que a poesia não se prende apenas aos versos ("caráter do que desperta o sentimento belo; inspiração"). Tá, mas isso é um blog literário e não é a minha intenção fazer o post virar uma aula chata* de literatura (eu devo ser uma péssima professora, rs). Vamos simplificar esse negócio, então? 

Poesia é tudo (e quando eu digo tudo, é tudo mesmo) que te toca, emocionalmente falando. É por isso que você pode dizer que uma música, um quadro, um filme, uma peça teatral... são poéticos. Por outro lado, o poema é a representação de um texto em versos, estrofes.

E, gente, um poema pode não ser poético, da mesma forma que uma poesia pode não ser representada por um poema. Triste não?

Para exemplificar, fiz um poeminha, baseado num exemplo que achei em um site:

Isso aqui é um poema
 Mas ele só vem explicar
Que poema é isto
Mas é a poesia que vai emocionar

Veja bem a diferença:
isto tem versos, estrofes e rima
Mas nada te emociona
Então nem é uma poesia

E só para exemplificar o oposto, vejam uma poesia que não é um poema (espero que você já tenha lido "A culpa é das estrelas", senão talvez não será uma poesia com tanto sentido para você):

É uma imagem poética, já que traz à tona emoções e sentimentos...










Então, é isso. Poesia é o que emociona. Poema é o texto composto por versos. Simples assim.


Eu amei fazer o post e espero que ele tenha sido um útil \o/

Dúvidas, sugestões, elogios e correções podem ser depositadas ali embaixo na caixinha do comentário, haha.

Beijos e até mais :)

http://www.livreando.com.br/search/label/Post%20da%20May


* Quando eu disse "aula chata de literatura", não quis dizer que as aulas de literatura são chatas. Mas que uma aula minha de literatura seria chata, ahaha. Que fique bem claro que eu sempre AMEI aulas de Literatura.

Nenhum comentário :

Postar um comentário